O programa de aceleração e conexão de empreendedores com o poder público, Brazil Lab, foi apresentado no Café Bar Roda de Ideias, no dia 05 de abril. Participaram do evento empreendedores que já tinham ou queriam iniciar negócios que tivessem impacto na sociedade através do governo e representantes do setor público que trouxeram para a discussão suas percepções e desafios.

O maior diferencial do programa é a conexão das startups aos líderes públicos e à realidade do setor público. Assim, os quatro meses de aceleração (sendo três dias por mês), é totalmente focado em estruturar ou adaptar o modelo de negócio das startups ao setor público. “Contamos com uma rede de mais de 40 mentores, entre eles secretários e gestores públicos, e realizamos Field Day onde os empreendedores fazem uma imersão no setor público para terem maior entendimento de sua realidade e desafios. Por fim, vale ressaltar que no DemoDay que acontece no final da aceleração, trazemos não apenas investidores, mas também muitos prefeitos para avaliação das startups”, explicou o coordenador do programa, Marcello Danelli.

A primeira edição realizada, no ano passado, contou com mais de 600 inscritos e a participação de 11 acelerados. Inscreveram-se representantes de 20 estados brasileiros e um do Canadá.

A startup AppProva, acelerada no primeiro ciclo da Acelera MGTI, participou do Brazil Lab. A plataforma ­- voltada para testes e diagnósticos para alunos, escolas e instituições de ensino superior – ficou entre os projetos vencedores da edição 2016.

Edição 2017 – A aceleração acontecerá no Google Campus, em São Paulo, e novos patrocínios e mentores irão potencializar o sonho do Brazil Lab de estimular a inovação no setor público. Além disso, contará com três novos challenges para definição das startups: equilíbrio fiscal, agricultura urbana e comunicação (interação entre sociedade e governo).

As inscrições iniciam, no dia 10 de maio com um evento de lançamento no Google Campus em São Paulo, e finalizam em 5 de julho. A aceleração começa em agosto deste ano.